O que cobrar da segurança Pública?

A questão da segurança pública, nas últimas décadas vem se tornando cada vez mais comuns e o principal desafio do estado de direito no Brasil. Com isto a segurança acabou ganhando uma grande visibilidade pública, e que jamais em nossa história recente esteve tão presente nos debates, tanto dos especialistas como de um público de forma geral.

Ente os problemas relacionados estão o aumento da taxa de criminalidade, sensação de insegurança, tudo isto acontecendo principalmente nos maiores centros urbanos, além é claro da degradação dos espaços públicos, dificuldades relacionadas a reforma das instituições voltadas a administração da justiça criminal. A partir disto há uma degradação de condições de internação de jovens em conflitos com a lei, aumento de custos operacionais do sistema, ente vários outros que representam muitos desafios para o sucesso do processo de consolidação da política de grande democracia do pais.

O que cobrar da segurança Pública

Mas o que o povo pode cobrar da segurança pública?

Toda a amplitude dos temas e problemas que são afetos para a segurança pública alertam para uma necessidade de boa qualificação de debate, sobre uma segurança e para ainda a incorporação dos novos atores, bem como cenários e ainda paradigmas para as políticas públicas.

O maior problema da segurança porém não pode ficar apenas adstrito aos repertórios tradicionais de direito e de instituição da justiça, bem como particularmente da justiça criminal, presídios e polícia. De forma evidente, todas as soluções deverão passar por um fortalecimento de capacidade de Estado em gerenciar a violência, por uma retomada de capacidade gerencial quanto a segurança pública, mas também deverá se passar por um alongamento de pontos de contato com instituições púbicas, e a sociedade civil deverá cobrar dos seus governantes sempre por este tipo de melhoria.

Em resumo, os novos gestores da área de segurança pública, e não somente os policiais, juízes, e burocratas da administração pública precisam enfrentar estes desafios além de fazer com que exista um grande debate nacional sobre o tema, e tudo isto se transforme em um real controle sobre políticas diversas de segurança pública e estimular também a parceria entre os órgãos de poder público, e acima de tudo a sociedade civil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *